bg.jpg
logo.png

XVII CONGRESSO BRASILEIRO de OBSTETRÍCIA E GINECOLOGIA
da INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA e

CONGRESSO ONLINE da SOGIA-BR

INFLUÊNCIA DOS DISRUPTORES ENDÓCRINOS NA PUBERDADE PRECOCE

Autores: Rebeca Fernandes de Azevedo Dantas . Co-autores: Thaís Regina Santos , Maria Eduarda Baracuhy Cruz Chaves , Lara Moser Martins Manhães ; Helena Martins Benvenuto Louro Berbara

Palavras-chave:

Introdução: Os disruptores endócrinos (EDCs) são substâncias exógenas, como pesticidas

e solventes, que tem a capacidade de interferir na fisiologia neuroendócrina do ser humano e em seu sistema reprodutor. A exposição a eles pode causar diversas doenças, como: puberdade precoce, síndrome dos ovários policísticos e falência ovariana prematura. Objetivo: Discutir os impactos dos disruptores endócrinos no desenvolvimento da puberdade precoce. Metodologia: Revisão sistemática da literatura realizada de junho à agosto com artigos publicados entre 2011 à 2021 nas plataformas: Pubmed, Scientific Eletronic Library Online (SCIELO) e MedLine. Usados osdescritores (Desh e Mesh) - palavras chaves: “Disruptor endócrino” “puberdade precoce” nos idiomas inglês e português. Resultados: Foram selecionados 16 artigos, dos quais 14 foram incluídos neste

estudo. De acordo com os dados obtidos, os EDCs interferem no desenvolvimento puberal, agem no eixo hipotálamo-hipófise- gônada e interferem no desenvolvimento de pêlos pubianos. Conclusão: Os artigos analisados enfatizam a capacidade dos disruptores de iniciarem a puberdade precoce. A maioria dos estudos orientam o acompanhamento nas mudanças no desenvolvimento dessas crianças expostas aos EDCs. Portanto, a melhoria na assistência ao pré-púbere é fundamental para evitar mudanças e possíveis impactos no  seu desenvolvimento e na sua vida reprodutiva

PATROCÍNIO
Logo_BayerCross_SEBEB_V_CMYK-NOVO.png
EUROFARMA_HORIZ_AZUL.png
theramax.png
GSK - bx.png
nn_logo_rgb_blue_large.png
Logo Organon - alta.png